Seja bem vindo ao AVRILMIDIA.com, o primeiro site sobre a Avril Lavigne do Brasil. Online desde 2002, somos lembrados pelo design inovador, constantes atualizações nas notícias, conteúdo completo e direto, atualizações na galeria de fotos, vídeos legendados, entre outros. Nos esforçamos para trazer aos fãs da canadense o melhor e da forma mais clara e objetiva.

Vote: Avril Lavigne é indicada ao Europe Music Awards 2014

Vote: Avril Lavigne é indicada ao Europe Music Awards 2014

Avril Lavigne foi primeiramente pré-indicada ao Europe Music Awards, na categoria Best Canadian Act (Melhor Artista Canadense), e precisava da ajuda de seus fãs para conquistar a última vaga entre os nomeados para essa categoria. Saímos na frente e a cantora foi oficialmente indicada, mas é agora que fica difícil pois Avril...
The Avril Lavigne Tour no Brasil: mande suas fotos!

The Avril Lavigne Tour no Brasil: mande suas fotos!

Avril Lavigne não está mais no Brasil e não tem mais shows marcados por aqui, mas estamos longe de esquecer tudo que aconteceu nessa última semana. A cantora se apresentou em quatro cidades com cinco shows que não vão sair tão cedo da memória e do coração de milhares de fãs que,...
Assista Hello Kitty, novo videoclipe de Avril Lavigne

Assista Hello Kitty, novo videoclipe de Avril Lavigne

Depois de dias de espera, que foram alimentados com imagens e trechos do vídeo, o aguardado novo videoclipe de Avril Lavigne para Hello Kitty foi oficialmente liberado no site oficial da cantora. A música chama atenção por onde passa e o vídeo não poderia ser diferente. Com várias referencias à cultura japonesa, país que foi...
Avril é eleita a canadense mais famosa de todos os tempos

Avril é eleita a canadense mais famosa de todos os tempos

Avril Lavigne foi eleita pelo MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) como a personalidade canadense mais famosa de todos os tempos. O MIT é uma das instituições universitárias mais importantes dos Estados Unidos e também um dos líderes mundiais em ciência e tecnologia. Para realizar as pesquisas, o instituto coletou dados de pessoas a...

Você está em Site > Avril Lavigne > Discografia > Under My Skin.

Veja abaixo informações sobre o segundo álbum de Avril Lavigne.

___________________________________________________________________________________

2014_disco_ums_01

2014_disco_ums_02Título traduzido: Sob Minha Pele.
Lançamento: 25 de maio de 2004.
Singles mundiais: Don’t Tell Me, Take Me AwayMy Happy Ending, Nobody’s Home, He Wasn’t e Fall To Pieces.
Vendas: 2004 até o momento: 14 milhões de cópias.
.

INFORMAÇÕES DETALHADAS:

2014_disco_ums_04Avril cresceu. Os dois anos que sucederam o lançamento de Let Go viram florescer uma artista mais madura e consciente de seu trabalho. Under My Skin é o reflexo claro desse novo momento da vida da cantora, que participou de todas as etapas de criação do CD. O disco começa com as dramáticas Take Me Away e Together – canção favorita de Avril -, que preparam o clima para as guitarras fortes e o refrão radiofônico de Don’t Tell Me, hit que já alcançou o topo de paradas em todo o mundo. Destacam-se no trabalho canções com melodias marcantes (Freak Out) e climáticas (Forgotten e Nobody’s Home), que revelam um lado mais sombrio de Avril Lavigne. O álbum tem a produção de Butch Walker (do grupo Marvelous 3), Raine Maida (do Our Lady Peace) e Don Gilmore (Linkin Park, Pearl Jam), com quem Avril dividiu a maioria dascomposições. A compositora ainda assinou uma canção com o ex-guitarrista do Evanescence, Ben Moody. O restante das músicas foi composta em parceria com seu guitarrista, Evan Taubenfeld. “Under My Skin é o que eu penso, o que está dentro de mim, o que está na minha cabeça”, afirmou a cantora.
.

FAIXAS DO ÁLBUM:

01. Take Me Away
02. Together
03. Don’t Tell Me
04. He Wasn’t
05. How Does It Feel
06. My Happy Ending
07. Nobody’s Home
08. Forgotten
09. Who Knows
10. Fall To Pieces
11. Freak Out
12. Slipped Away

B-SIDES DO ÁLBUM:

01. Daydream
02. I Always Get What I Want
03. Take It

SINGLES:

2014_disco_ums_single_01Don’t Tell Me”: Foi o primeiro single liberado do álbum Under My Skin. Trata-se da história de uma garota que rejeita tentativas por parte de um garoto exercendo pressão sobre o sexo quando não está pronta. A canção disparou nas paradas mundiais, alcançando os dez superiores em diversos países em torno do mundo, além da 22º colocação no Hot 100 da Billboard.

2014_disco_ums_single_02Take Me Away: Foi lançada como single promocional regional apenas na América do Norte. Foi entregue para as rádios canadenses em março de 2004, sem videoclipe, junto com Don’t Tell Me, mas conseguiu êxito mesmo nas paradas da Austrália, para surpresa de muitas pessoas.
.

2014_disco_ums_single_03My Happy Ending”: Foi o segundo single do álbum. Lançada nas rádios em junho de 2004, a canção colocou Under My Skin de volta ao topo das paradas no Canadá por diversas semanas, e nas cinco superiores nos EUA, Alemanha, Reino Unido e Austrália. Alcançou a 9ª colocação no Hot 100 da Billboard, sendo a única faixa do álbum no top 10 da parada.

2014_disco_ums_single_04Nobody’s Home:” Foi o terceiro single do álbum Under My Skin. Não chegou ao top 40 na maioria de países, apesar de ter recebido uma quantidade significativa de airplay. No Reino Unido e Austrália, alcançou a 24ª posição das paradas. Chegou ao topo no Brasil, Argentina, África do Sul e México.

2014_disco_ums_single_05He Wasn’t: Foi o quarto single do álbum. Mesmo não tendo sido liberado nos EUA, conseguiu um desempenho satisfatório em alguns países, como o Brasil, alcançando o topo do ranking das músicas mais tocadas nas rádios. Tal fato pode ser explicado pela proximidade com a vinda da Bonez Tour ao país. É uma das poucas faixas do Under My Skin que permanece fixa no setlist das turnês.

2014_disco_lg_single_05Fall To Pieces:” A música foi liberada somente para rádios como quinto single, nos Estados Unidos. Chegou a 7ª colocação nas paradas da Radio+Records Airplay Hot AC e na Radio+Records Airplay CHR.  O site About.com fez uma lista das 100 melhores músicas do gênero Pop, e Fall to Pieces ficou na 100ª posição no ano de 2005.
.

ESTILO:

2014_disco_ums_05Em 2004 Avril retorna mais madura com o Under My Skin, um álbum mais pesado e emocional, com letras mais duras e melodias mais tristes. Ela afirma que passava por uma fase “dark” e há quem diga que esse obscurecimento se deva à morte de seu avô, o qual Avril era muito ligada. O fato é que ela transparece em suas roupas e cabelos todo esse ar sombrio mesclando mechas pretas às suas madeixas de tom mais claro, deixa de lado suas famosas gravatas e adota roupas predominantemente escuras, tomando o vermelho e o preto como suas cores. Avril se mostra mais forte e decidida, sem medo de mudanças, fato este que é marcante em sua trajetória. A partir dai ela começou a revelar um lado mais sensual, com roupas mais apertadas, alguns decotes, maquiagem mais aparente. Fez seu primeiro ensaio sensual para a revista Maxim, em 2004. O sucesso continuou; a moda que ela dita continua. Ao final da turnê do Under My Skin, em 2005 (vale lembrar que o encerramento foi no dia 25 de setembro em São Paulo, Brasil), Lavigne está mais feminina, namorando e com os cabelos completamente loiros; uma pista para o que estava por vir.
.

CURIOSIDADES:
  • Under My Skin manteve a linha de letras contando fatos de sua vida, mas com canções mais obscuras e profundas.
  • Em sua primeira semana da liberação, alcançou o número um no Billboard 200 e no chart britânico dos álbuns.
  • Para se ter uma ideia, antes mesmo do lançamento mundial o álbum já estava na lista dos mais pedidos em oito países do continente asiático: Coréia, Hong Kong, Taiwan, Indonésia, Malásia, Cingapura, Tailândia e Filipinas. No Japão, já havia recebido platina dupla com 250 mil cópias vendidas antecipadamente. Nos EUA, foram mais de 465 mil copias vendidas na primeira semana de estréia.
  • A maioria das músicas do álbum foi escrita em parceria com a cantora e compositora canadense Chantal Kreviazuk.
  • O disco foi co-produzido por Raine Maida, marido de Chantal e pelo cantor e compositor Butch Walker.
  • Avril preferiu evitar palavrões nas letras desse disco para não decepcionar sua mãe.
  • Nobody’’s Home contou com a participação do ex-guitarrista do Evanescence, Ben Moody.
  • Um dos produtores do disco foi Don Gilmore, que também já trabalhou com as bandas Linkin Park, Pearl Jam e Good Charlotte.
  • Umas das músicas escritas para esse álbum, “Breakaway”, foi cedida por Avril para ser interpretada pela cantora ganhadora do “American Idol”, Kelly Clarkson. Alcançou o top 10 da Billboard no mesmo mês que My Happy Ending.
  • As músicas prediletas de Avril nesse álbum são Take Me Away e Forgotten, ela gosta da agressividade e da profundidade dessas canções.
  • “Don’t Tell Me” foi escrita antes mesmo de ser feito o primeiro álbum de Avril, “Let Go”.
  • Para divulgar o álbum antes da estreia, Avril fez pequenas performances surpresas em shopping centers dos EUA ao lado do ex-guitarrista Evan Taubenfeld. Essas pequenas apresentações fizeram parte da chamada Mall Tour.
  • O single de “Don’t Tell Me”, oficialmente, chegou ao primeiro lugar nas paradas de sucessos da Argentina e foi um dos singles mais bem vendidos de Avril no Reino Unido e no Canadá.
  • Quando foi perguntada o que tinha “por baixo de sua pele”, Avril respondeu “ossos”. A turnê desse álbum se chamou “Bonez Tour” (Bonez = Ossos, Tour = Turnê).
  • Somente com a turnê desse álbum os fãs brasileiros puderam conferir Avril de perto, com os shows finais da “Bonez Tour” fechando com chave de ouro essa era com quatro incríveis shows em setembro de 2005 no Brasil.
AGRADECIMENTOS:

“Primeiramente, quero agradecer a Deus por cuidar de mim e por me permitir ter essa maravilhosa experiência. Quero agradecer a meus pais, ao meu irmão e à minha irmã (John, Judy, Matt e Michelle) por estarem aqui comigo e por seu amor e apoio. Quero agradecer a todos os meus fãs pela dedicação… Por causa de vocês, galera, eu estou tendo a oportunidade de experimentar tantas coisas maravilhosas. Estar no palco e se apresentar são um dos sentimentos mais magníficos. Vocês arrebentam! Quero agradecer à minha empresária, Shauna Gold, por toda a dedicação que ela botou na minha carreira, por ser uma das minhas melhores amigas, por cuidar de mim mais do que da minha carreira, e por ser honesta e real. Eu amo tanto você, Shauna, você merece todo o mérito do mundo. Obrigada Terry McBride, Dan Fraser e todo mundo da Nettwerk Management. Obrigada John Rummen e Kim Kinakin da Artwerks, e Brent Muhleda Nettmedia por ajudar na minha visão no processo de design. Antonio “LA” Reid, obrigada por acreditar em mim e por me contratar, você me deu uma oportunidade única na vida. Foi maravilhoso trabalhar com você. Obrigada Adam Lowenberg, Josh Sarubin, Hillary Siskind, Laura Swanson, Karen Yee, Samantha Lecca, Soraya Akhavi, Francês Georgeson, Zeeshan Zaidi e todo mundo da Arista. Tem sido maravilhoso trabalhar com você. Obrigada Liza Zbitnew, Shane Carter, Dave Harris, Sean Cordner e todo mundo da BMG Canadá, e todo mundo da BMG ao redor do mundo. Obrigada de novo, Peter Zizzo, por me levar debaixo da sua asa bem no começo, quando eu tinha 15 anos. Obrigada aos garotos que eu amo… Matt Brann, Evan Taubenfeld, Charlie Moniz e Craig Wood. Eu não poderia querer um grupo de caras melhor para viajar junto. Tenho duas palavras pra vocês (Hey Yeah!). Obrigada Jessé Colburn. Minha melhor amiga, minha irmã, minha mentora, minha garota… Chantal Kreviazuk. Obrigada por estar aqui comigo para tudo. Deus nos colocou juntas. Obrigada pela maravilhosa amizade que nós temos e por todas as lembranças. Ter alguém como você envolvida no meu álbum era o que eu queria. Obrigada pelos bons momentos e por todas as colaborações divertidas. Eu te amo do fundo do meu coração. Raine Maida, você é muito parecido comigo, nós estivemos sempre na mesma página. Você me ganhou. Obrigada por trabalhar tão duro no meu álbum e por todas as noites que você ficou acordado sem nenhum cochilo. Você fez um trabalho maravilhoso. Obrigada pelo cuidado e por ser um amigo, por todos os seus conselhos e envolvimento. Nós todos nos divertimos muito! (Hey Rowan). Obrigada Raine e Chantal por tudo. Don Gilmore, você é uma total referência para mim. Estou honrada de ter trabalhado com você e eu acho você um ótimo produtor… Martinis de maçã, baby! Obrigada Ben Moody por ter colaborado comigo, e pela sua amizade. Bom momentos, irmão, deixa rolar! Obrigada Clif Magness por estar aqui comigo novamente. Obrigada, Chris Taylor. Também quero agradecer à Tyler Colton e à Monique Morrison (aka CT’s!). Obrigada Tortorella, obrigada Randy Staub e Tom Lord-Alge por mixar o álbum. Obrigada Sam e Eric da War Child. Um agradecimento muito especial à Kenna Danyliw por todas as horas, fidelidade e dedicação. Obrigada a todos pelo envolvimento. Este é meu sonho e vocês todos são parte dele.
Avril.”

.

EDIÇÃO ESPECIAL:

2014_disco_ums_03Ano de lançamento: 2005.
Informações: A primeira Edição Especial do CD Under My Skin não é muito diferente da lançada aqui no Brasil. O CD tem mais músicas ao vivo, duas versões de Nobody’s Home, e uma B-Side. E o DVD é o mesmo, com dois documentários e seus clipes. Lembrando que a Edição Especial do CD Under My Skin foi lançada para divulgação de sua 2º turnê, Bonez Tour.

Conteúdo do CD: Take Me Away, Together, Don’t Tell Me, He Wasn’t, How Does It Feel, My Happy Ending, Nobody’s Home,  Forgotten, Who Knows, Fall To Pieces, Freak Out, Slipped Away, I Always Get What I Want (B-Side), Nobody’s Home (ao vivo e acústico), Nobody’s Home (ao vivo), Take Me Away (ao vivo), He Wasn’t (ao vivo) e Tomorrow (ao vivo).

Conteúdo do DVD:

  • 2 Documentários, um sobre o CD e um sobre a Turnê.
  • Videoclipes: Don’t Tell Me, My Happy Ending, Nobody’s Home e He Wasn’t.