Seja bem vindo ao AVRILMIDIA.com, o primeiro site sobre a Avril Lavigne do Brasil. Online desde 2002, somos lembrados pelo design inovador, constantes atualizações nas notícias, conteúdo completo e direto, atualizações na galeria de fotos, vídeos legendados, entre outros. Nos esforçamos para trazer aos fãs da canadense o melhor e da forma mais clara e objetiva.

Avril Lavigne é indicada ao Celebs Gone Good; vote!

Avril Lavigne é indicada ao Celebs Gone Good; vote!

Avril Lavigne lançou um projeto de caridade em setembro de 2010 e, de lá pra cá, investiu bastante tempo e disposição para realizar diversos programas e elevar cada vez mais a conhecida The Avril Lavigne Foundation. O reconhecimento por meio de todos os fãs da canadense é algo que ela...
The Avril Lavigne Tour no Brasil: mande suas fotos!

The Avril Lavigne Tour no Brasil: mande suas fotos!

Avril Lavigne não está mais no Brasil e não tem mais shows marcados por aqui, mas estamos longe de esquecer tudo que aconteceu nessa última semana. A cantora se apresentou em quatro cidades com cinco shows que não vão sair tão cedo da memória e do coração de milhares de fãs que,...
Assista Hello Kitty, novo videoclipe de Avril Lavigne

Assista Hello Kitty, novo videoclipe de Avril Lavigne

Depois de dias de espera, que foram alimentados com imagens e trechos do vídeo, o aguardado novo videoclipe de Avril Lavigne para Hello Kitty foi oficialmente liberado no site oficial da cantora. A música chama atenção por onde passa e o vídeo não poderia ser diferente. Com várias referencias à cultura japonesa, país que foi...
Avril é eleita a canadense mais famosa de todos os tempos

Avril é eleita a canadense mais famosa de todos os tempos

Avril Lavigne foi eleita pelo MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) como a personalidade canadense mais famosa de todos os tempos. O MIT é uma das instituições universitárias mais importantes dos Estados Unidos e também um dos líderes mundiais em ciência e tecnologia. Para realizar as pesquisas, o instituto coletou dados de pessoas a...

Você está em Site > Avril Lavigne > Frases.

Leia abaixo frases da Avril Lavigne, sendo algumas muito sinceras e outras bem polêmicas. O conteúdo está disponível aleatoriamente.

___________________________________________________________________________________

2014_frases_01

“Não tenha medo de experimentar seu jeito. Se você quer fazer algo diferente (…) — faça! É bom ser você mesma.”

(Savvy Magazine – 10/ 2009)
.

“Você tem que estar confortável com você mesmo. Acima de tudo, não tentar ser outra pessoa para caber em um grupo. Se você fizer isso então você não será feliz no final. Mas você será feliz se você se você se atentar em ser fiel a si mesma. Depois disso, os amigos te seguirão. Eles gostarão de você por quem você é e você terá sorte com o amigo perfeito.”

(M Magazine – 11/2009)
.

“Não importa o que você esteja sentindo ou vivendo, de algum jeito você vai se encontrar na vida, tem sempre uma saída… Fique firme e focado.”

(Interview Alice In Wonderland – 02/2010)
.

“Várias pessoas me dizem que estou longe da música a muito tempo, mas eu só tenho 25 anos e planejo fazer música pro resto da minha vida! Tem sido sim um processo longo, talvez porque eu escreva minhas próprias canções, então é importante pra mim viver minha vida para ter minha inspiração. Os meus álbuns anteriores foram mais pop-rock, agressivos e divertidos, e esse é mais rock.”

(ET Canadá – 06/2010)
.

“Eu sei que parece chato mas, aparêcnia não é tudo. É mais importante a beleza interior e que você seja uma boa pessoa. É interessante colocar maquiagem e ter boas roupas mas é muito mais importante passar um bom tempo com os amigos. A beleza exterior é uma coisa que vem com o tempo, não esqueça disso!”

(Coroatian OK – 06/2010)
.

“Se tiverem um sonho trabalhem no duro e acreditem em vocês mesmos.”

(D You – 10/2010)
.

“Eu cheguei aqui por conta própria. Eu vim de uma cidade pequena e cresci numa casa normal. Eu sei por que eu trabalhei duro. Eu vejo muita gente que enlouqueceu um pouco e que está na cena de Hollywood. Eu não gosto muito de sair com pessoas assim.”

(Maxim – 10/2010)
.

“Eu me importo, mas você não pode se importar com todo mundo. Eu estou aqui pra criar minha música e dar isso ao mundo todo.”

(Maxim – 10/2010)
.

“Eu gosto de homens com classe, cavalheiros que abrem a porta e dão flores e sempre colocam a mulher em primeiro lugar. Eu sou um pouco conservadora nesse sentido.”

(Maxim – 10/2010)
.

“Sou uma garota como as outras. No futuro, claro, estarei apaixonada, casarei, terei um casal de filhos. Mas não agora, não tão cedo.”

(Vanity Fair Italy – 02/2011)
.

“Você pode ter muitas pessoas próximas de você: sua mãe, seus amigos, seus colegas de trabalho, seu namorado – pessoas que lhe dão suas opiniões, mas é realmente importante você se concentrar em quem você é e o que você quer da vida. Veja se está fazendo isso por você – não por um cara e nem por ninguém, porque só assim você vai ser feliz. Meu lema é ser você mesmo, faça o que você quiser, acredite em quem você é e não deixe ninguem mandar em você.”

(Herald Sun – 03/2011)
.

“Sou um espírito livre e louco. Adoro me divertir e fazer coisas bobas, brincadeiras. Ao mesmo tempo me sinto uma mulher de 35 anos. Tenho casa, carro, um trabalho estável, um negócio e tenho que tomar decisões sérias”.

(Seventeen – 04/2011)
.

“Tento ser uma pessoa positiva. Quero apenas ter certeza de que sou feliz e de que defini metas e estou correndo atrás delas. Minha mensagem para os meus fãs sempre foi ”seja você mesmo, seja fiel a quem você é. Para alcançar as estrelar basta acreditar em si mesmo.”

(Atrevida – 05/2011)
.

“Sim, eu acho que a mensagem deste álbum é apenas ser forte. A vida é uma experiência diferente para cada um de nós, cheia de emoções diferentes. E é isso que este álbum é para mim: viver, aprender, amadurecer, começar de novo e ser forte.”

(Atrevida – Maio 2011)

“Acho que sempre fui forte ou talvez eu me sentissecomo eu queria e fazia o que queria, e sempre ouvi a mim mesma e não os outros. Acho que isso é importante.”

(Atrevida – 05/2011)
.

“Por um lado, sou uma mulher de negócios, que chefia música, perfumes, uma linha de roupas e actividades de caridade. Por outro lado, sinto-me como uma artista livre, que não deve nada a ninguém. Sinto-me livre, é este o estatuto correcto.”

(In Magazine , Eslováquia – 05/2011)
.

“Eu tenho que ter muita energia”, disse Avril. “Então, eu preciso comer direito e estar saudável, mas você sabe não me importo com o que as pessoas pensam de mim. Eu sou quem eu sou”.

(Body Fitness Gain – 07/2011)
.

“O processo criativo é louco. Eu simplesmente amo roupas, cores e estampas. Sou muito visual e dedicada ao trabalho.”

(Falando sobre Abbey Dawn, Revista Gala – 03/2011)
.

“Quando eu amo, eu amo profundamente. Não tenho nenhum limite. É belo, mas também é terrível.”

(Revista Gala – 03/2011)
.

“Eu acho que sou bem sortuda, e eu me sinto realmente grata em dizer que nós somos tipo melhores amigos, que somos tipo família.”

(Falando sobre seu ex-marido Derick Whibley, Billboard – 03/2011)
.

“Eu posso aparentar ser uma garota descolada, e eu o sou, mas também sou uma romântica ao extremo.”

(Us Weekly – 09/2009)
.

“É basicamente tudo aquilo que amo.”

(Falando sobre Abbey Dawn, Z!nk – 09/2009)

“O que aconteceu para mim é muito legal e único, e estou honrada de estar fazendo o que estou fazendo. Por alegrar as pessoas e por tocar em shows toda noite e ver pessoas animadas por mim é muito emocionante. Sinto-me muito grata.”

(DetNews.com – 03/2008)
.

“É meu quarto álbum. Não é ciência de foguete.”

(Falando sobre Goodbye Lullaby, RollingStone.com.br – 07/2011)
.

“Quando se trata da minha pessoa, tendo encontrar um equilíbrio entre ser músico e ter uma vida normal. Se estivesse sempre na estrada, isso não seria normal (risos).”

(Revista Rock One – 05/2010)
.

“Muitos fãs fizeram quando eu fiz. Já vi pessoas com meu retrato tatuado, e algumas colocam meu nome na pele delas depois que eu autografo. Uma vez eu autografei a bunda de uma menina e ela tatuou. Eu fiquei tipo ‘Ooh’, é melhor eu fazer um bom trabalho!”

(Inked – 05/2010)
.

“Eu tenho sido bastante honesta e é difícil expor certas coisas que significam muito. Mas eu acho que essas serão as coisas que mais vão tocar as pessoas – aquilo que se tem vergonha de falar ou escrever sobre.”

(Nylon Magazine – 05/2010)
.

“Sou uma pessoa de espírito livre, eu adoro andar por ai a saltar e divertir-me.”

(Elle Magazine – 06/2009)
.

“Eu sou incluída nas listas de mais mal-vestidas o tempo todo. Eu vesti aquele vestido grande, rosa, dos anos 80 para a festa de lançamento do meu CD, e todo mundo da imprensa estava tirando sarro dele. Mas eu não dei a mínima. Eu fui a princesinha do Deryck naquela noite.”

(Revista Maxim – 03/2008)
.

“Sou bem clara quanto ao que eu gosto, o que eu não gosto, e o que eu quero. Não sou uma puxa-saco. Não sou bajuladora. Não fico falando besteiras. As pessoas podem me ver como uma vaca, mas, na minha posição, eu tenho que ser capaz de proteger a minha imagem.”

(Revista Maxim – 03/2008)
.

“Ninguém está numa situação tão difícil como a Britney está. Eu me sinto mal por ela. Como ela consegue até pensar, como todos esses flashes? Quando eu estou sendo seguida, tudo está em risco. Eles têm luzes vermelhas. Eles causam acidentes. Ela não consegue nem ir até o carro. Malditos perseguidores.”

(Revista Maxim – 03/2008)
.

“Eu fiz alguns comentários sobre a Britney Spears, e todo mundo disse que eu era a anti-Britney e que eu a odiava. Tudo aumenta fora de proporção. Isso acontece toda hora, principalmente na Inglaterra. Eles amam colocar palavras na sua boca.”

(Revista Maxim – 03/2008)
.

“É um pouco esquisito colocar rótulos em mim. Quando eu surgi, eu era uma garota moleca e durona. Estou mais velha agora e estou realmente curtindo ser uma garota. Eu diria que eu sou uma roqueira glamurosa agora.”

(Revista Maxim – 03/2008)
.

“Eu guardo tudo, cada vídeo, todas as minhas gravatas, todas as revistas onde estou no titulo. Não posso me separar de nada.”

(Eins Live – 03/2007)
.

“Minha mãe me obrigada a ir aos shows de Britney Spears quando eu era criança. Eu dizia: ‘Não, eu não quero'”, contou. “Mas ela respondia: ‘Se você quer cantar, você precisa ver outras cantoras.”

(Jane Magazine – 03/2007)
.

“Eu não sou baladeira e sempre uso calcinha.”

(Jane Magazine – 03/2007)
.

“As pessoas diziam..Oh, vamos ter um casamento rock ‘n’ roll, gótico’. Mas no mesmo tempo eu estava como, ‘Eu sempre sonhei com meu casamento desde que era uma menina pequena. Eu tenho que vestir o vestido brando’.Eu queria ser uma princesa, okay?”

(Jane Magazine – 03/2007)
.

“Eu tenho uma personalidade muito forte. E quando alguém tem personalidade forte, você também gosta disso ou não. Sou um certo…estilo. E isso está bom pra mim.”

(Jane Magazine – 03/2007)
.

“Nesse momento eu adoro roupas e sinto que tenho várias idéias legais. É uma coisa em que dá pra usar a criatividade. Seria totalmente uma daquelas coisas em que eu entraria com todas as idéias. Seria da forma como eu me visto… A única coisa é que eu adoro preto, adoro o estilo Dickies, tênis All-Star de cano longo, uso salto alto de vez em quando, e gosto qualquer coisa que tenha uma caveira… gosto de usar qualquer coisa que tenha um ar de rock n’ roll.”

(Em entrevista a agência Associated Press – 04/2007)
.

“Mudei muito, eu cresci, estou mais consciente. Mas continuo a mesma garota. Sou só uma versão mais velha. Sempre fui honesta e sempre fui completamente eu mesma. Falando abertamente. Não sou uma puxa-sacos. Sou verdadeira para comigo mesma e acho que isso é o que boa parte dos fãs gostam em mim.”

(Em entrevista a agência Associated Press – 04/2007)
.

“Comecei a atuar praticamente quando era criança. Sempre estive nas peças de teatro da escola, cantando e atuando, então consegui um acordo para gravar. A coisa de cantar deu certo. Eu queria apenas tentar outra vez e ser criativa de todas as formas que posso.”

(Em entrevista a agência Associated Press – 04/2007)
.

“Não sinto que o casamento tenha de fato me mudado tanto; apenas pessoalmente, na minha vida pessoal, estou muito feliz.”

(Em entrevista a agência Associated Press – 04/2007)
.

“Eu faço totalmente as minhas coisas e essa sempre foi a minha mensagem. Eu faço o que eu faço. Eu tenho milhares de fãs e eles me amam. Eu fui colocada aqui… foi uma proposta. Eu toquei pessoas. Eu sou um modelo para algumas pessoas. Então o que eu estou tentando dizer é que algumas pessoas me amam, algumas pessoas me odeiam. Tudo bem isso. É assim que acontece com qualquer coisa. Barras de chocolate: Algumas pessoas amam as barras Mas, outras odeiam. A cor preta: Algumas pessoas amam, outras não gostam. É assim que acontece.”

(Revista Salon – 04/2007)
.

“Eu geralmente escrevo musicas para mim mesma. Se eu não uso uma musica, então eu a dou. Então se Britney me ligasse e me pedisse com gentileza, talvez eu escrevesse uma para ela.”

(Mizz Magazine – 04/2007)
.

“Eu danço em meu novo vídeo e estarei dançando em talvez cinco músicas da nova turnê. Eu aprendi esses passos com muitos “socos e chutes”. Eu amo dançar.”

(Mizz Magazine – 04/2007)
.

“Quando olho para trás, só fico pensando no que eu era. Eu era um moleque, só arrumava brigas. Em todas as minhas entrevistas, ficava de cabeça baixa e só resmungava para responder as coisas. Aquilo era ridículo.”

(Revista Arena – 04/2007)
.

“Quero sempre mais: Quero atuar, desfilar e fazer coisas diferentes. Gostaria de ter uma carreira como a de Madonna, que está casada e tem seus filhos e algo de muito grandioso que é seguir sempre seus sonhos e aparecer sempre com novas idéias, algo novo.”

(Clarin – 04/2007)
.

“The Best Damn Thing é um álbum realmente agitado, divertido, jovem, agressivo, confidencial, e convencido de um modo brincalhão. Renderá um bom concerto ao vivo.”

(Post em seu Myspace – 16/12/2006)
.

“Acredito em tentar coisas novas, experimentar, mas também acho que é importante continuar familiar com seus fãs. Seus fãs são o que você é.”

(Revista Independent – 02/06)
.

“Todo mundo aos arredores da cidade começou a falar de mim, sobre como eu era uma pequena garota que tinha uma boa voz.”

(Revista Independent – 02/06)
.

“Eu admiro a Madonna porque ela tem uma família e é casada, e ainda sim faz muito sucesso.”

(Revista Independent – 02/06)
.

“Entrar no mundo da música foi tão louco, e foi tipo: porque eu tenho que dar essas entrevistas? Porque eu tenho que ir de avião? Agora eu entendo – e compreendo.”

(Revista Independent – 02/06)
.

“Eu me orgulho de poder dizer que nunca usei drogas. Sou 100% contra esse tipo de coisa e não gosto nem de andar com pessoas que usam drogas.”

(Entrevista – 2006)
.

“Estou me sentindo mais feminina. Estou começando pelo cabelo, pela maquiagem e pela imagem. Essa é a melhor parte de ser uma garota!”

(Revista Harper’s Bazaa – 2006)
.

“Tudo veio muito rápido para mim, muito mais do que pra maioria das pessoas. Eu nao tenho um estilo de vida comum. Eu apenas sinto em meu coração que estou fazendo a coisa certa.”

(Revista Harper’s Bazaar – 2006)
.

“The Best Damn Thing é um álbum realmente agitado, divertido, jovem, agressivo, confidencial, e convencido de um modo brincalhão. Renderá um bom concerto ao vivo.”

(Post em seu Myspace – 16/12/2006)
.

“Eu fico com as coisas boas que as pessoas dizem de mim, o que não é bom, ah, deixa pra lá…”

(Em entrevista ao Fantástico – 2005)
.

“Acho bem legal as garotas se inspirarem em mim. Mas sou apenas eu. Isso não me faz pensar: “Oh, talvez eu deva fazer desse jeito ou de outro”. Não interfere na maneira como eu faço as coisas.”

(Entrevista a Folha Online – 05/2005)
.

“Estou muito ansiosa para tocar no Brasil.”

(Entrevista a Folha Online – 05/2005)
.

“Eu não vou atrás dos caras. Minha mãe me ensinou a ser assim.”

(Revista Elle Girl – 03/2004)
.

“Eu não tenho nenhuma opinião sobre elas, nos nunca nos falamos, por isso acredito não existir nenhum sentimento ruim. Elas fazem o trabalho delas e eu faço o meu.”

(Referindo-se a Britney e X-tina em entrevista a Radio Kiss 92 FM – 03/2004)
.

“Algum tempo atrás uma garota veio até mim e falou algumas coisas em minha cara, então parti pra cima dela. Eu não saio por ai procurando brigas, mais se alguém vem ate mim para me irritar eu não engulo isso.”

(Revista Maxim – 2004)
.

“A mídia me tarjou de garota irritada, que esta nervosa o tempo inteiro. Eles me rotularam de muitas coisas mais, mais nenhum deles disse o que realmente eu sou ou com o que eu pareço.”

(Revista Maxim – 2004)
.

“O amor me mudou a forma de ver as coisas. É como um curativo muito eficaz.”

(Bravo Magazine – 2004)
.

“O Ben é meu amigo, e eu o adoro. Sempre que nos encontramos em Los Angeles vamos jantar juntos e conversar. Ele se ofereceu para me ajudar em meu novo álbum e eu adorei a idéia. E sobre o Evanescence, acho que todos os problemas dele com Amy tem haver com sua mudança de atitude devido à fama.”

(Bravo Magazine – 2004)
.

“Tenho varias coisas da ‘Hello Kitty’, que eu adoro.”

(Revista Elle Girl – 03/2004)
.

“Em minhas turnês eu levo alguns pares de sapatos, meu laptop, meus acessórios faciais e para cabelo. Enfim tudo aquilo que uma menina precisa para uma viagem.”

(Revista Elle Girl – 03/2004)
.

“Eu não vou atrás dos caras. Minha mãe me ensinou a ser assim.”

(Revista Elle Girl – 03/2004)
.

“Meu sonho já foi realizado: subir ao palco e cantar todas as noites para os meus fãs. Essa é a razão de eu estar aqui.”

(Revista Atrevida – 07/2003)
.

“Eu geralmente nem sei que dia da semana é. Alguém poderia ter me dito que era 9 de fevereiro e não faria diferença para mim. Eu sempre esqueço os aniversários de meus irmãos e de minha mãe.”

(Jornal The Sun – 03/2003)
.

“O jeito que ela (Britney) se veste… você andaria na rua só de sutiã? Não quero difamar ninguém, mas comigo, as mesmas roupas que uso no palco são as que eu usaria na escola ou na rua.”

(MTV Brasil – 11/2003)
.

“Não possuo nenhum segredo de beleza. Nem secretamente. Meu único cuidado é escovar os dentes.”

(Revista Atrevida – 12/2002)
.

“Existe meninos que só querem descer as calças e tem os que querem um relacionamento com algum significado.”

(Revista Capricho – 11/2002)
.

“Meu violão é meu terapeuta. Quando estou chateada com algo, pego ele e começo a tocar.”

(Revista Capricho – 11/2002)
.

“Não optei pelo rock, foi simplesmente o que saiu de dentro de mim.”

(Revista Capricho – 11/2002)
.

“Eu nunca comprei um CD na minha vida. Agora quando eu quero um CD eu vou em minha gravadora e pego.”

(Revista Rolling Stone – 11/2002)
.

“Eu sempre falo que não tenho um herói. Quando as pessoas me perguntam qual é o meu herói eu digo que é o Homem-Aranha. Porem eu admiro o Johnny Rzeznik do Goo Goo Dolls e Alanis.”

(Revista Rolling Stone – 11/2002)
.

“Todo mundo, o tempo todo, tenta dizer como você deve ser.”

(Revista Capricho – 11/2002)
.

“Não quero fazer marketing, quero fazer música!”

(Revista Capricho – 11/2002)
.

“Musicalmente, as garotas podem detonar. Foda-se, quem disse que elas não podem?”

(Revista Rolling Stone – 10/2002)
.

“Eu não vou me chamar de punk, porque punks não vão para a MTV. Mas normalmente eu iria dizer que eu era uma punkzinha bagunçando por ai, me metendo em encrencas. Mas eu não posso dizer isso, porque não sou punk.”

(Revista Rolling Stone – 10/2002)
.

“Eu sou mesmo totalmente diferente da Britney. Ela usa playback na maioria das vezes e vende a bunda e os peitos muito mais do que a música.”

(Revista Capricho – 09/2002)
.

“Eu adoro beber e me divertir – Eu não uso drogas, isto é estúpido, mas eu posso beber e ficar bem louca.”

(Rádio Kiss 92FM – 2002)
.

“Nos shows que eu toco, as garotas estão usando uma gravata. É divertido. Lá tem pequenas Avrils por toda parte. É engraçado porque eu sempre gostei de ser diferente, e agora, na minha posição, tudo o que eu faço, todo mundo vai fazer.”

(Rolling Stone Magazine – 2002)